28 de janeiro de 2015

Pulseiras de Elástico : vale a pena incentivar o uso delas ?

Já faz um bom tempinho que as pulseirinhas de elástico viraram febre entre as meninas do país e mundo afora. São pulseiras super coloridas que podem ser vistas adornando os pulsos da garotada e que elas mesmas confeccionam, usam e abusam, trocam e até vendem.




Tudo começou com pulseirinhas sendo confeccionadas de forma simples formando uma linda tirinha colorida no pulso. A coisa foi evoluindo, as pulseiras engrossando, mais cores sendo mescladas, elas foram tomando outras formas, incorporando acessórios decorativos e agora a criatividade dita o limite. Podem ser necessárias até mesmo centenas de elásticos pra fazer uma pulseira mais elaborada.  


Se você tem dúvidas se vale a pena ou não incentivar o uso das pulseirinhas de elástico, vou deixar aqui algumas dicas sobre porque vale a pena:

  • Incentivam a criatividade
  • Estimulam as habilidades manuais
  • Aprimoram o senso estético
  • Exercitam a paciência
  • Melhoram a auto-estima
  • Estreitam as relações entre irmãs ou mesmo filha e pais quando há ajuda mútua na confecção
  • Desenvolvem a noção da relação entre dedicação-trabalho-resultado

Ou seja, não são meros enfeites. Tanto para as crianças como para as adolescentes a confecção das pulseiras traz vários benefícios no campo cognitivo, comportamental, emocional e até mesmo no desenvolvimento motor. 

Diversos kits, além dos elásticos, também vem acompanhados de uma base de tear e agulha, permitindo trabalhos mais elaborados. Fechos também podem acompanhar alguns kits além de pingentes pra enfeitar os acessórios.

E pra quem acha que é muito complicado fazer as pulseiras, no youtube é possível encontrar uma incontável quantidade de vídeos demonstrativos ensinando passo-a-passo como fazer os mais diversos modelos de pulseiras.  Esses vídeos ensinam a fazer a mão livre, usando o tear, usando garfos ou canetas como base, etc. Essa meninada foi desenvolvendo formas alternativas pra conseguir fazer as pulseirinhas mais descoladas.

Embora algumas marcas brasileiras disponham de kits, a venda maciça é feita em simples saquinhos que geralmente são vendidos com 100 elásticos. Também há uma grande variedade de kits importados.



No Paraguai é possível encontrar as pulseiras em diversos lugares, inclusive nos mercadões. Uma loja que sei que vendem vários kits prontos, além de saquinhos individuais com 100 elásticos é na loja Toronto, no Shopping Americana. Aliás, eu comprei alguns saquinhos lá pra Nathy. Contei sobre isso pra vocês nesse POST (acessem que tem fotos das pulseirinhas que comprei com preços e também preços dos kits com tear por lá na época).

Outro lugar que vi as pulseirinhas no fim do ano foi no auto-service Super K. Tinha pacotinhos individuais e também várias opções de kits. Essas fotos abaixo são todas de lá:









Mas e quanto aos comentários de que as pulseiras podem conter materiais tóxicos e causar câncer ? Bom, em primeiro lugar, não são os elásticos das pulseiras e sim os charms, que são os pingentes pra pendurar nas pulseirinhas (como estes abaixo). Portanto o melhor é comprar os penduricalhos de marcas confiáveis. 



Os charms provenientes da china é que supostamente tem altos níveis de material tóxico embora até o momento o que se tem conhecimento é que eles podem ser prejudiciais se entrarem em contato com a boca (e como várias pessoas tem esse hábito de mordiscar objetos, é bom ter cuidado) e não pelo contato com a pele. Mas enfim, é um risco apenas em relação aos pingentes e não aos elásticos. Portanto nada de pânico !

Aliás, você sabia que até mesmo vários famosos já aderiram a essas pulseiras ? Pois é, David Beckham, Miley Cyrus e até mesmo a família real britânica já foi vista por aí desfilando as tais pulseirinhas. Confesso que quando vi fotos do Príncipe William com as pulseiras, cheguei a achar que era montagem, até saber que a febre das pulseirinhas havia realmente tomado conta da família real. 


Bom, eu também já aderi. Olha que graça essa peça que a Nathy, filha da minha prima, me presenteou recentemente: uma linda capinha de celular feita sob medida pro modelinho do meu telefone. Adorei !




Estranharam uma case de elásticos ? É como eu disse: a criatividade é o limite. Já faz um tempo que os elásticos extrapolaram os limites dos pulsos. Viraram cases para celular, enfeites de cabelo, roupas e sapatinhos pra bonecas, sandálias e até mesmo roupas !


Legal né ?

Portanto, minha dica é: incentive ! Além de serem alegres, as peças resgatam na garotada o contato com o mundo físico e da brincadeira centrada na construção criativa e longe de telas de computador ou televisão. As peças são divertidas e como eu já disse anteriormente trazem vários benefícios no desenvolvimento da garotada.

Fica a dica, Bjkinhas de Pimenta !

27 de janeiro de 2015

Brinquedos no Paraguai: brincando de médico

Já fiz algumas postagens no blog com algumas dicas de brinquedos que podem ser encontrados no Paraguai. Hoje vou mostrar pra vocês a variedade imensa de opções de brinquedos de consultório e médico.

Esses brinquedos eu encontrei em mercadões. Mas no final vou mostrar também uma opção de produto licenciado que encontrei no Shopping del Este.

Começo com esses kits de médico do 8 de Agosto:

Quantas opções diferentes, não ? E os preços em geral são super simpáticos. Mas tem de tudo, kits mais completos, alguns com maletinha de médico, outros mais simples e tem até estação de brinquedo imitando um consultório.


Essa estação do tipo consultório abaixo vem em duas opções: azul e rosa.


Esse de baixo é um carrinho grandão pra criança transportar seu consultório pela casa. E o consultório do lado vem com uma boneca pra fazer o papel de bebê doentinho.


E no Super K eu também encontrei diversos brinquedos do tipo "doutorzinho". Alguns iguais a esses do 8 de Agosto, portanto não fotografei novamente. E outros diferentes:


Como podem ver, tem várias opções de cartelas simples contendo alguns instrumentos gerais. São brinquedos bem baratinhos. E abaixo novamente opções com bonequinhas. Tem boneca enfermeira e boneca paciente.


Esse da direita abaixo achei super diferente por conta do acabamento diferente. Nada de cores infantis em exagero.


Mas a maioria é super divertida e colorida.


Achei muito bacana encontrar uma diversidade tão grande de brinquedinhos estimulando as crianças nas brincadeiras de cuidado ao próximo. De certa forma também as empodera, deixando-as do outro lado do balcão ... é uma experimentação para o pequeno, que normalmente se vê totalmente indefeso e sujeito à todo tipo de exames e agulhadas quando são eles os pacientes.

Outro lugar que encontrei um kit super bacana foi na Macedônia do Shopping del Este. Olha que bacana, um kit da Hello Kit. Pena que a foto ficou totalmente desfocada.


Como é um produto licenciado, com certeza é bem mais caro que as outras opções. Mas fazer o que, se a Hello Kit é uma fofa.

Enfim, opções de tamanho e preços é o que não faltam. É só escolher e colocar seu pequenino pra tomar as rédeas da situação e passar a ser ele agora a investigar e tratar os demais..
Legal né ? Até a próxima. Bjkinhas de Pimenta.

26 de janeiro de 2015

Os vestidos de gala das 5 finalistas do Miss Universo 2014

E hoje tivemos a realização do Miss Universo 2014 que acaba de coroar a Colombiana Paulina Vega como a mais nova Miss Universo. 

E a parte que eu mais amo ver são os vestidos de gala. Na verdade, nem sei qual eu gosto mais, se do gala ou do traje típico. Cada um a sua maneira é incrível. 

Mas vamos conferir os vestidos de gala das 5 finalistas ? 




Confesso que não gostei nem um pouco do vestido da Miss Holanda. E não é por ser amarelão, pois há vestidos nesta cor que são deslumbrantes. Mas achei que ficou over, principalmente no busto.

Ucrânia e Jamaica estavam simplesmente chiquérrimas nos seus respectivos vestidos. Mas achei o mais deslumbrante o vestido da norte-americana. Nas fotos não dá nem de longe pra ver mas o vermelho era mais encarnado que nesta foto, estas partes que aparecem cor da pele na verdade revelam parcialmente a pele. Também havia um lindo brilho e a cauda era simplesmente deslumbrante. Pena que esse mocinho empolgado apareceu bem na frente da cauda.

Já em relação ao concurso como um todo achei que a escolha foi difícil, não seriam estas as minhas 5 finalistas (a Argentina e a Venezuela pra mim deveriam também estar aí) mas com certeza haviam várias potenciais misses universos entre as outras candidatas. Tinham várias lindas, achei um ano bem acirrado.

E vocês, curtiram os vestidos ?

Bjkinhas de Pimenta.

23 de janeiro de 2015

Passeios em Foz do Iguaçu: Iporã : Show do Rafain Churrascaria

Hoje vou passar uma dica pro pessoal que está visitando Foz do Iguaçu: um passeio imperdível é jantar e assistir ao show da Churrascaria Rafain. Embora eu considere um programaço inclusive pra quem é daqui da cidade: eu mesma já assisti algumas vezes o show Iporã no Rafain.

A Churrascaria Rafain é muito antiga e tradicional aqui na nossa cidade. Ela conta com uma variedade muito grande de pratos quentes, frios, sobremesas e carnes. O almoço e o jantar lá são um atentado violento ao estômago, pois é uma comilança tentadora e muito gostosa. Os buffets do almoço e janta não são iguais (o jantar é um pouco mais enxuto, mas é porque o almoço é um exagero mesmo) mas ambos são mega bem servidos. A diferença está apenas na variedade de pratos.


Bom, mas no jantar além do super buffet há também um show que acontece na casa. Na verdade, não um, são dois shows. Já explico.


Antigamente o Rafain tinha esse super show de dança, o show Latino Americano, que ocorria paralelo ao jantar. Durante anos aconteceu assim, o famoso show Oba Oba, show de mulatas, enfim, teve vários codinomes, mas ele foi evoluindo pra muito mais que samba: o show foi ficando cada vez mais completo e cheio de atrativos. 

Bom, e não muito tempo atrás foi lançado o Iporã. Qual a diferença desse novo show ? Foi separada uma área da churrascaria onde agora acontece esse show e essa área fica isolada do restante da churrascaria quando o show está para começar. Ele tem boa parte das danças que já tinham no show antigo, mas agora é totalmente reformulado: os figurinos mudaram, estão lindos ! O cenário é um show a parte ! Encantam. No Iporã rola uma introdução inicial, contando um pouquinho da lenda da Naipi e Tarobá (figuras do nosso folclore popular) e depois seguem com um lindo e super variado show de danças latino americanas. 



A diferença do Iporã é que você pode pagar pra assistir apenas ao show. Ele começa bem tarde e como é numa área separada, você não precisa jantar lá se não quiser. Mas se quiser jantar, também pode. Mas é altamente recomendável que você chegue cedo pra jantar com calma e depois apenas curtir o show. Se você optar por jantar junto do show, será um show assistido pela metade. Você não presta atenção nem no seu prato nem no palco. Chegue cedo, vale muito a pena !


Ah, e vale dizer que aquele outro show de antigamente continua rolando, lá no salão principal. Ele começa mais cedo, antes do Iporã. Você não pode optar só por assistir ele, pois ele está incluso com o jantar. E ele não tem nem de perto todas as atrações que o Iporã tem e também não conta com aquele cenário todo especial. Essa foto abaixo é um panorama geral do restaurante (ainda tem uma ampla área que não está na foto) mas aí engloba o setor onde você preferencialmente deve optar sentar pra poder ter uma boa visão do show que rola antes do Iporã. 


Lembre-se que no Rafain o grande astro é o palco. O buffet é uma delícia e super diversificado mas não se equipara a churrascarias 5 estrelas em termos de  carnes nobres e qualidade dos pratos. Acho importante salientar isso principalmente pra quem vem de experiência de grandes cidades com churrascarias nobres pois podem se decepcionar por criar uma expectativa equivocada devido à grande fama do local. Mas vale a pena ir apenas pra almoçar por exemplo ? Com certeza ! Inclusive a churrascaria não é apenas destino turístico e  principalmente aos domingos é grande o fluxo do pessoal de Foz mesmo. Eu particularmente amo a comida de lá. As vezes me farto já nas saladas. Mas de tanto ir lá, eu já sei bem ir direto nos melhores pontos, das saladas às sobremesas e aí a gente consegue prestigiar um pouco de tudo.

Uma pena eu não ter tirado mais fotos do buffet. Apenas uma pequena amostra abaixo. Mas a seleção de pratos quentes e saladas é vasta. A variedade de sobremesas é enorme (maior que qualquer churrascaria !! pode ter certeza !) e eu amo os doces de lá. Sempre rolam uns sushis também. Queijinhos também. Hmmm ... 




Somente as bebidas são servidas na mesa (e não estão inclusas). Ou seja, nada de espeto corrido na mesa: você tem que se dirigir à área de carnes pra se servir diretamente com os churrasqueiros. Em feriadões, encontrará alguma fila. Mas vale a pena. No horário de almoço é ainda mais cheio, mas também o buffet é ainda mais recheado que de noite. No entanto no almoço não há show.


Quanto as bebidas também já vá preparados pra pequena variedade. Eles trabalham com marcas restritas em especial de refrigerantes. Mas eu nunca tive problemas pra escolher uma boa cerveja por lá. Tem pra mim boas opções a única coisa ruim é que não tem cerveja de 600 ml o que é péssimo quando vamos numa galera.

Também vale salientar que o espaço é grande e o fluxo muito grande principalmente no almoço. Acho que o principal problema disso está no constante "zum-zum", ou seja, aquele burburinho e bater de talheres. Mas no jantar tem menos barulho. As mesas do salão maior também são bem juntinhas tirando um tanto da privacidade. 

E o preço ? Bom, o jantar e show não é barato. Mas eu não considero caro também. Acho que é um valor justo pela experiência. Acima de tudo é isso: não é um mero jantar. É um evento, um acontecimento !


Se eu acho que vale a pena ? Eu já assiste ao show diversas vezes. Contando desde as idas aos shows de antigamente, eu não saberia dizer quantas vezes já assisti. No Iporã mesmo eu já devo ter ido pelo menos umas 4 vezes. Dou pulos de alegria quando parentes ou amigos visitam a cidade e topam ir lá. Já cheguei a assistir ao show com cerca de 2 meses de intervalo entre uma ida e outra e nem por um segundo houve arrependimento ou achei que não valia ter ido: é lindo, emocionante, envolvente. Amo arte, adoro shows de dança, adoro encenações ... e adora um bom rega-bofe .. e tem tudo isso por lá. Então, sim, sim, sim ! Vale a pena, inclusive vale a pena ir várias vezes.



Eu pensei muito sobre quantas fotos deveria incluir de lá. Tenho muitas ! Pensei que poderiam ser muito reveladoras .. que deveria ter certo mistério .. dar só um arzinho do que tem por lá.


É um delicioso passeio pela cultura dos mais diferentes países da América Latina. E claro, que há muito do Brasil também. 




E porisso incluí várias fotos. Pensei bem .. se eu já vi tantas vezes e continuo me encantando sempre, não tenho que me preocupar com as imagens que lanço (mas confesso que algumas super legais resolvi omitir, com uma dor no coração). Pois essas imagens são mero segundo capturado de um show enorme e cheio de energia. Vocês se encantarão quando verem tudo isso junto: cenário, figurinos, música, vibração. 






Enfim, é uma super dica pra você que está visitando Foz do Iguaçu. Aqui em casa sempre levamos as visitas pra conhecer o Rafain e o pessoal sempre sai encantando com o show. 

Vou deixar AQUI o link do site do Iporã pra que vocês possam entrar em contato para informações sobre preços, dias de funcionamento e reservas. Aliás, eu recomendo sempre que reservem !!! Nós pelo menos sempre que vamos pro show procuramos reservar e assim conseguimos lugares melhores, mais próximos do palco. Quem vai pra assistir na hora, pode acabar ficando mais pro fundinho. 

Vou deixar abaixo uma foto da carinha da frente de lá. Aliás, já aproveito pra comentar que essa é uma pequena parte do estacionamento. Ele é bem amplo. Na verdade um deles é gigante mas fica aberto apenas no horário do almoço (onde o fluxo é bem maior) e a noite fica aberta apenas um outro estacionamento lateral (com segurança cuidando). Mas na frente tem também várias vagas, aqui dá pra ver uma parte.


Rafain Cataratas Churrascaria Show e Iporã Lenda Show
Onde ? Avenida das Cataratas, 1749. Foz do Iguaçu / PR

Era isso pessoal, espero que tenham curtido a dica. 
Bjkinhas de Pimenta.

22 de janeiro de 2015

O crochê invade a praia

O crochê está em alta nesta temporada e pode ser visto nas ruas, no asfalto, na praia, em todos os lugares. Mas é provável que em nenhum lugar as peças se encontraram tanto quanto na moda praia.

Confirma alguns modelos de biquinis, maiôs e saídas de praia que usaram e abusaram do crochê pra dar um toque todo especial ao verão:

















Lindas opções, não ? Aproveite a temporada pra vasculhar por aquelas peças vendidas na areia, nas feiras de artesanato ou mesmo pra prestigiar artesãs da sua cidade.

Bjkinhas de Pimenta.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...