29 de julho de 2012

Eu posso, eu consigo, Uhaa: Porta-sabonetes de ursinho

Essa é minha primeira postagem da série "Eu posso, eu consigo: Uhaaa !!" ... mais conhecida por aí como "Faça você mesma" hehehee.

Então, a idéia de fazer um porta-sabonetes surgiu do fato de eu ter vários sabonetinhos lindos e fofos, escondidos em uma gaveta, esperando pra ser usados. E também do fato que eu havia comprado uns sabonetes artesanais muito lindos, que eu não gostei, mas eu não queria nem usar nem jogar fora. Então achei que seria legal fazer algum tipo de enfeite.

O que você precisa ?

  • Garrafa Pet 2 Litros (ou menor, dependendo do que você quer guardar dentro)
  • Fio de silicone
  • Contas, canutilhos e outros à sua escolha
  • Fita de cetim
  • Cola super bonder
  • Chaveiro de ursinho
  • Sabonetes variados


Como fazer:

Corte a garrafa pet pra que ela fique num formato de "copo". Use sua criatividade para dispor as contas nos fios de silicone e formar cordinhas de contas para pendurar nas bordas do pote de pet.
Eu usei uma tesourinha pra furar bem próximo da borda superior do pote em cada lugar que eu ia pendurar um fio de contas. Aí usei uma agulha grossa pra passar o fio de silicone e aí é só dar um nó firme. Muito cuidado com o nó, pois é muito fácil desprender o nó do silicone !!!
Coloque quantos fios de contas você quiser.
Depois que você já fez todos os fios de contas, já pendurou cada um no potinho, é hora de envolver seu pote com a fitinha de cetim. 
Primeiro eu fiz um cortezinho na beirinha do pote, e ali prendi um lado da fita. Depois eu fui passando ele em cada furinho de onde saía um fio de contas. Dada a volta inteira na boca do pote, passei então a circular o cetim no pote, dando várias voltas. Segure firme quando acabar de fazer as voltinhas e coloque um pouco de cola em alguns pontinhos discretos ao longo da fita de cetim, para evitar que a fita se solte. Como usei super bonder nem precisei colocar a cola por baixo da fita, eu só pinguei uma gotinha em cima de cada ponto que eu queria colar da fitinha, pois a fita vai absorver a cola e colar no pote. Mas escolha pontinhos discretos pra fazer isso, pois o ponto onde você coloca a cola fica marcado. 
Eu comprei também fios trançados de couro dourado e bronze, pra dispor ao longo do pote, colando aleatoriamente. Mas aí me dei conta que ia ficar muito poluído, a visibilidade dos sabonetes ficaria muito ruim.
Por fim, prendi o chaveiro de ursinho, escondendo a parte do chaveiro pra dentro do pote, atrás do ursinho. Você também pode tirar a parte do chaveiro, eu optei por não tirar, pra caso eu queira desfazer o potinho no futuro, aí eu posso reutilizar o ursinho como chaveiro pra alguma outra coisa. 

Por  fim disponha os sabonetes como você quiser.
Eu utilizei esses 4 sabonetes ovais, que eram de frutas, canela, algas; havia comprado eles na feirinha da Liberdade em Sampa. Eles são lindos, mas o cheiro é bem insosso e depois que você começa a usar eles desbotam completamente e perdem completamente o charme. Já os dois sabonetes redondinhos que aparecem ali, são sabonetes da Raisa. Eles são deliciosos, e estavam escondidinhos esperando pra ser usados pois eu já estou com um daqueles em uso no banheiro. Recomendo que vocês experimentem. E o melhor é que eles não desbotam com o uso, continuam lindões.

 O resultado final: 


PAUSA PARA ALGUMAS DICAS:

Vocês podem dispor quantas tirinhas ou outros enfeites vocês quiserem. Mas lembrem-se que o foco neste caso eram os sabonetes. Portanto encher de fitinhas faz com que o conteúdo do pote desapareça aos olhos. 

Eu tentei colar com super bonder lantejoulas e o resultado foi péssimo. A cola mancha em volta, fica uma nhaca, vejam só:

 Limpei com pano úmido e as manchas desaparecem completamente. Mas ao secar, volta tudo. Então desisti das lantejoulas.
No caso do uso da cola no cetim, as manchinhas ficaram menos gritantes, pois como disse pra vocês o cetim absorve a cola. O que acontece é que a fita fica com uma coloração diferente:


Porisso pensem bem onde colocar o pontinho de cola.
É claro que vocês também podem tentar outros tipos de cola. De repente outras podem não reagir desta forma.

 Para trabalhar com cola, super bonder, tinta, procurem usar luvinhas plásticas. São práticas e fáceis de encontrar. 
As lucas que escolhi não são do tipo que estamos acostumados a ver, como nos laboratórios ou hospitais. Optei por uma caixa com 100 luvas de VINIL para procedimentos da marca EMBRAMAC. Paguei R$ 14,50 na Casa das Embalagens, na República Argentina. O bom é que ela é levemente talcada (mas muito levemente mesmo), te dá bastante mobilidade, é confortável e achei que ela resseca muito menos a pele !!! E o melhor de tudo, são reutilizáveis !!!! Isso mesmo, já cheguei a usar 3x o mesmo par sem problemas nenhum, só joguei fora porque já estavam muito sujas de tinta mesmo. Por vezes você nota que pode ainda usar uma delas de novo, e trocar só a outra. Vocês vão ver que vale muito a pena. Segundo a atendende da Casa das Embalagens, estas luvas são muito usadas por quem trabalha com o setor de alimentação. Sei que aqui em casa já fez o maior sucesso, pois nossa empregada quando viu minhas luvas já pediu uma caixinha pra ela também. Pois muitas coisas ela achava desconfortável fazer com aquelas luvas grandes de borracha, mas sentia a necessidade de proteção. Enfim, muitos usos.

Olhem como é a luva:



Bom pessoal, por hoje era isso.
Espero que tenham curtido o início da saga "Eu posso, eu consigo: Urraaaaa" !!!
Peço mil desculpas pela inexperiência, mas agora vejo que eu deveria ter tirado fotos do passo a passo.
E logo vou postar pra vocês a caixinha porta-jóias que já estou terminando de fazer. Hmm, mas infelizemente ela também não terá passo-a-passo.

E até a próxima !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...